1 de dezembro de 2017

A CONSUMAÇÃO DOS SÉCULOS

PARE E PENSE!!!

“A CONSUMAÇÃO DOS SÉCULOS”

De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. “Mas agora” na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo. HEBREUS. 9:26.

O verso que abre este estudo, nos fala de uma consumação dos séculos, e ele nos leva a uma reflexão! De que séculos está o apóstolo a nos falar? Isso não se trata das eras e dos anos, Paulo está nos direcionando a entender que este século foi o período da Lei de Moisés.

Jesus ao expirar na cruz assim declarou: TUDO CONSUMADO ESTÁ. E o verso em questão nos mostra que com esta morte o pecado foi aniquilado; deixou de existir. Um fato importante que passou despercebido de toda humanidade, é que este “agora”, ocorreu a mais de dois mil anos. João Batista foi o primeiro a identificar que aquele século; aquele período, iria se extinguir. Ao ver Jesus de Nazaré de imediato declarou: eis aí o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, e desta forma ocorreu.
vivendo no seculo vindouro

No capítulo seis, desta mesma carta, Paulo já nos leva a olhar para adiante, ele fala de um século vindouro; ele aponta para um futuro, onde os benefícios da cruz são para nós, os filhos de Deus.

Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se fizeram participantes do Espírito Santo, E provaram a boa palavra de Deus, e as virtudes do século futuro, HEBREUS. 6:4,5.

Aqui ele identifica pessoas, que tiveram a oportunidade de participar das boas dádivas de um século sem esta lei. A partir de então, o diabo já estava destruído, o pecado aniquilado; não havia mais, maldição. Antes da cruz do calvário ninguém desfrutou ou participou dos benefícios do Espírito Santo, o século futuro (ou vindouro), só começa depois da morte e ressureição de Jesus de Nazaré. Nós já estamos vivendo neste século, porém, ainda há muitas mentes que vivem nos séculos passados; estão impregnados com aquela lei.

Naquele tempo não era diferente, pois os apóstolos de Jesus de Nazaré, não fizeram essa transposição, eles empacaram nos “séculos passados”. Eles pregavam e viviam a lei de Moisés; eram homens influentes e convenciam aos que estavam ao redor, viverem como eles.

Se você se declara reinando em vida, próspero, abençoado, você está vivendo no século vindouro. Mas se da tua boca ainda sai um Deus te abençoe, Senhor perdoa os meus pecados… Tua mente ainda vive antes da consumação dos séculos. Por isso, Paulo cita em sua carta aos romanos: não vos conformeis a este século, (ROMANOS 12: 02); não se deixem moldar por aquilo que já passou, mudem o vosso modo de pensar.

COMPARANDO OS DOIS SÉCULOS

A grande maioria destes locais denominados igrejas, ainda está vivendo antes da cruz, eles estão antes da consumação dos séculos. Por não terem suas mentes iluminadas pela verdade do evangelho, ainda estão metidos em rituais e práticas que são comuns a lei de Moisés. Vamos ao livro de Mateus onde encontraremos um exemplo destas práticas! Jesus um dia estando com seus discípulos lhes disse assim:

Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; O pão nosso de cada dia nos dá hoje; E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; E não nos conduzas à tentação; mas livra-nos do mal; porque teu é o reino, e o poder, e a glória, para sempre. Amém. MATEUS. 6:9-13.

Esta oração perdeu sua validade a mais de dois mil anos. Vamos te mostrar com evidências bíblicas, que jamais isso pode passar pelos seus lábios. Vamos a alguns pontos contundentes desta oração:

1º – SANTIFICADO SEJA O TEU NOME: quando Cristo morre na cruz do calvário ali ele estava humilhado e em ignomínia, porém, ao passar os três dias deste ato, ele vence ao diabo, destrói o pecado, vence a morte e ressuscita em glória. Seu nome já foi santificado; ele agora é o nome que está sobre todo nome; ele é o Rei de reis e Senhor de senhores.

Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; FILIPENSES. 2:9.

2º – VENHA O TEU REINO: O reino de Deus já foi estabelecido, depois da consumação dos séculos começa o reino do século vindouro. Paulo declara em sua carta aos romanos, que ao recebermos a abundância da graça e o dom da justiça já passamos a reinar em vida, portanto não peça, mas viva teu reinado agora.

Se, pela ofensa de um e por meio de um só, reinou a morte, muito mais os que recebem a abundância da graça e o dom da justiça “reinarão em vida” por meio de um só, a saber, Jesus Cristo. ROMANOS. 5:17.

3º – E PERDOA-NOS AS NOSSAS DÍVIDAS: dirigindo-se à igreja de Colossos, o apóstolo também nos mostra que não temos mais dívida nenhuma para com Deus. Cristo derramou seu sangue e nos isentou de qualquer culpa; o escrito de dívida que era contra nós, a lei de Moisés, foi cumprido, a promissória foi paga a mais de dois mil anos. TUDO CONSUMADO ESTÁ!!!

Tendo cancelado o escrito de dívida, que era contra nós e que constava de ordenanças, o qual nos era prejudicial, removeu-o inteiramente, encravando-o na cruz; COLOSSENSES. 2:14.

4º – MAS LIVRA-NOS DO MAL: que mal Deus ainda tem que te livrar, se Cristo com sua morte pôs fim ao império da maldade? Veja o que está escrito aos hebreus! Aí está a maior evidência, que não temos mais nada a temer.

E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte destruísse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo; HEBREUS. 2:14.

O REINO DE SEU AMOR

Para que entendas onde já estamos, e qual é a tua posição nos dias atuais, voltemos aos colossenses:

O qual nos tirou da potestade das trevas, e nos “transportou” para o reino do Filho do seu amor; COLOSSENSES. 1:13.

Nós já estamos neste reino, fomos transladados a esta glória; não cabe mais clamar: “Senhor venha o teu reino”! O século vindouro já é aqui, e ele já nos livrou de todo o mal. Considere isto, o século vindouro já está estabelecido.

Outro equívoco cometido pelas religiões, é a utilização de um verso onde Cristo está antes da cruz e assim fala:

Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. MATEUS. 6:33.

Esta expressão: buscai, vem do velho pacto. Se identificas, um lugar onde constantemente te incentivam a buscar a Deus, buscar santidade, buscar poder, buscar libertação, buscar perdão, busca… busca… busca…. Estes ainda estão antes da consumação do século. O reino de Deus já está em nós, e nós já estamos no reino Dele. Paulo diz que Nele já estamos completos, não há mais nada a buscar.

E estais perfeitos nele, que é a cabeça de todo o principado e potestade; COLOSSENSES. 2:10.

Se você se encontra perfeito e completo Nele, o que tens mais de buscar? Vamos continuar a dividir estes séculos:

Então, tendo despedido a multidão, foi Jesus para casa. E chegaram ao pé dele os seus discípulos, dizendo: Explica-nos a parábola do joio do campo. E ele, respondendo, disse-lhes: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem; O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno; O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos. Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na “consumação deste mundo”. MATEUS. 13:36-40.

Notem bem, aqui Jesus ainda não foi a cruz, ele não havia consumado sua obra redentora. Muitos tem os olhos para um futuro, onde Deus irá fazer um julgamento apocalíptico, haverá um caos nesta terra… Esqueça isso! O julgamento já ocorreu, estas evidências te dão mostras do trabalho por ele realizado.

Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade. E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes. Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça. MATEUS 13:41-43.

Se você tem ouvido para ouvir e discernir o que estamos te apresentando, você já está no reino de Deus, pois tudo isso se cumpriu faz mais de dois mil anos. No livro de João ele assim declarou:

“Agora” é o juízo deste mundo; agora será expulso o príncipe deste mundo. JOÃO. 12:31.

Recordem-se, começamos este estudo com esta expressão: “Agora”. E quando foi este agora? DIGA: CRUZ DO CALVÁRIO. Ele consumou todas as coisas, destruiu ao diabo e seus anjos; tirou o pecado do meio, seu juízo já ocorreu; a salvação de seus filhos já ocorreu; Deus não está buscando ninguém para a salvação eterna. Jesus Cristo deu sua vida por suas ovelhas, e nada e nem ninguém pode te separar deste ato de amor.

Outra propriedade que se estabelece com o século vindouro, é que já não adoramos a Deus, este termo adoração, também é uma expressão do velho pacto. Toda vez que alguém se colocava a adorar, isso se fazia com o corpo. A posição de adoração é se prostrar; nós fomos criados para o louvor de sua glória, temos livre acesso a Ele. Hoje estamos face a face com Deus.

E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade, “Para louvor da glória de sua graça”, pela qual nos fez agradáveis a si no Amado, EFÉSIOS. 1:5,6.

Nós recebemos um espírito pelo qual clamamos aba Pai. Não temos que nos humilhar; um filho não vive a implorar nada a seu Pai, somos seus herdeiros.

E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: “Aba, Pai”. GÁLATAS. 4:6.

Esta é a expressão máxima de carinho de um filho ao seu Pai. Aba Pai significa intimidade, afeto, carinho, liberdade (querido; paizinho).

FALANDO SABEDORIA

Paulo em sua carta aos coríntios, explica-nos acerca de uma sabedoria que transcendeu a sabedoria daquele século, vejamos:

Todavia falamos sabedoria entre os perfeitos; não, porém, a sabedoria deste mundo, nem dos príncipes deste mundo, que se aniquilam; 1ª CORÍNTIOS. 2:6.

Notem como o apóstolo separa estes dois séculos: eu falo entre os perfeitos, entre os maduros, uma sabedoria diferente dos principais deste mundo. E quem eram estes que estavam ali, com uma sabedoria do mundo? Os apóstolos de Jesus de Nazaré. Eles detinham uma sabedoria que estava com data de validade vencida, por isso, Paulo cita que ela se aniquilava, ou seja, perecia. Eles seguiram com as práticas do mundo da lei, e pereceram junto com sua sabedoria. Vejam a evidência bíblica:

E, quanto àqueles que pareciam ser alguma coisa (quais tenham sido noutro tempo, não se me dá; Deus não aceita a aparência do homem), esses, digo, que “pareciam ser alguma coisa”, nada me comunicaram; GÁLATAS. 2:6.

Esta afirmação de Paulo desqualifica qualquer sabedoria, qualquer notoriedade que estes homens um dia tiveram. Ele é enfático: que pareciam ser alguma coisa (quais tenham sido noutro tempo). A pergunta é inevitável: e que tempo foi este? DIGA: EM OUTRO SÉCULO, ANTES DA CRUZ. Eles tinham aparência; e o que é que vem a ser algo aparente? Não é real, é somente uma sombra. Paulo diz abertamente: NÃO ME COMUNICARAM NADA!!!

Já que não tiveram a capacidade de comunicar nada de novo à igreja, falavam de que, estes homens? De Pecado; do diabo; arrependimento; obras, rudimentos; Cristo em carne; juízos; enxofre, inferno… Nestas coisas, Paulo não encontrou nada de novo, pois já estava estabelecido por centenas de anos. Tudo isso era lei. Veja como Paulo desqualifica este ensino, ele trata toda esta doutrina como sombra.

Ora, visto que a lei tem sombra dos bens vindouros, não a imagem real das coisas, nunca jamais pode tornar perfeitos os ofertantes, com os mesmos sacrifícios que, ano após ano, perpetuamente, eles oferecem. HEBREUS. 10:1.

A conclusão é simples, sendo esta lei uma sombra dos benefícios do século vindouro, e não podendo aperfeiçoar ninguém, iria o apóstolo submeter-se a estes homens? De certo que não, pois sua pregação ia na contramão.

Hoje você pode dizer: eu estou completo, sou abençoado, sou um com senhor, não me falta nada, para mim não há condenação. Davi, o homem segundo o coração de Deus, não podia dizer isto, suas expressões eram: estou longe de tua presença, minha alma tem sede de ti, faz um novo coração em mim.

Abençoado para aquele que está em Cristo, tudo se fez novo!

Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. 2ª CORÍNTIOS. 5:17.

CONCLUSÃO

Vamos concluir este estudo enumerando alguns pontos importantes que devemos considerar, pois nós, já estamos vivendo no século vindouro.

1º – No decorrer desta investigação bíblica, pudemos identificar que parte da igreja nesta terra, ainda está com dois mil anos de atraso.

2º – Tenha cuidado com o que lê e com aquilo que ouves, isso pode ser um jornal de ontem.

3º – Há muitos que ainda estão esperando que caia manar do céu, estão olhando para cima e buscando poder. A igreja já está completa e perfeita, a mesa já foi servida.

4º – Um espírito de pobreza cobriu as nações, e você não pode aceitar esta condição em tua vida. Embora não veja finanças em teu bolso, embora você veja teu país um caos, a política corrompida, as instituições falidas, tua posição é de um rico do século vindouro.

5º – A prosperidade em tua vida começa em tua mente, não corra atrás de contadores de sonhos, o evangelho diz:

Pois conheceis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornásseis ricos. 2ª CORÍNTIOS. 8:9.

7º – O apóstolo está te dizendo: pois já conheceis a graça do Senhor. Se ainda não a conheces, o tempo é chegado já.

8º – Você está diante da maior verdade que irá revolucionar este mundo, não sejas negligentes ao ouvir. Você é um filho legítimo, um herdeiro dos benefícios do novo pacto, porte-se como um… Abençoado!!!

www.institutoeducacionaljlm.com.br

Para solicitar estudos, escreva-nos: estudosparepense@gmail.com

Curta nossas páginas no Facebook:

JH CALQUEOS https://www.facebook.com/JH-Calqueos-267765700080161/.

LOUVORES EM GRAÇA – https://www.facebook.com/Louvores-EM-GRA%C3%87A-547150175483721/.


Você é nosso visitante número: visitas