27 de agosto de 2017

MENTES EMBOTADAS

PARE E PENSE!!!

“MENTES EMBOTADAS”

O estudo a seguir tem por finalidade mostrar, o que vem a ser; uma mente embotada. Paulo em sua segunda carta aos coríntios, aponta com precisão aos que ali mantinham-se presos a lei mosaica, e por consequência tinham assim suas mentes cauterizadas. Não lhes era permitindo ver com clareza, os benefícios do novo pacto. Caro leitor, após verificar as evidências deixadas pelo apostolo, faça uma autoanálise, e verifique em que grau está tua mente.

O MESMO VÉU

Uma das maiores constatações que um cristão está embotado, endurecido, está descrito no verso que é tema deste estudo, Paulo descreve com riquezas de detalhes, como isso acontece, vejamos:

Mas o entendimento deles se embotou; porque até o dia de hoje quando leem o antigo pacto, “o mesmo véu” não descoberto está posto, o qual por Cristo é tirado; e até o dia de hoje, quando é lido Moisés, o véu está posto sobre o coração deles. 2ª CORÍNTIOS. 3: 14 – 15.

Existem duas particularidades nestes versos, as quais Paulo as nomeia, e ele as cita exortando que estes fatos, estão presentes até o dia de hoje (isso era valido para aquele tempo, como também o é, para o presente). Quando alguém se debruça para esquadrinhar ao pacto da lei, recai sobre este um véu, que o impede ver as insondáveis riquezas do novo pacto. Este véu (muita atenção nisto), é “o mesmo” que Moisés colocava sobre seu rosto, para que o povo não visse o resplendor da gloria de Deus.

Paulo então traça um paralelo explicando; Um abençoado que ouve este pacto e manifesta em si uma oposição a essas verdades, saiba que o mesmo tem um véu. Este véu tem a propriedade de embotar sua mente, travar seus sentidos, cauterizar o seu entendimento, não lhe permitindo gozar desta graça. Na conclusão desta revelação, o apóstolo cita que este véu somente Cristo pode tira-lo, vamos então entender esse processo.

TIRANDO O VÉU

Paulo cita; enquanto estivermos lendo a Moisés, estamos com o mesmo véu. Hoje em quase sua totalidade, todas as chamadas igrejas do mundo estão a ler Moisés, logo todos estão velados do conhecimento da verdade, porém o apostolo lhes dá uma saída; Cristo pode remover este véu, e te levar a uma gloria mais excelente. Como isso se realiza? Vamos ao verso seguinte.

Mas quando se converterem ao Senhor, o véu lhes será tirado. 2ª CORÍNTIOS. 3: 16.

Qual a conclusão que chegamos ao lermos esse verso?
Estão milhares e milhares de pessoas lendo a Moisés e não são convertidos ao Senhor? Exato! Isso não quer dizer que não são salvos, pois salvação é eleição, isso está imputado em nós desde antes da fundação do mundo.

Que nos salvou, e chamou com uma santa vocação; não segundo as nossas obras, mas segundo o seu próprio propósito e graça que nos foi dada em Cristo Jesus antes dos tempos dos séculos; 2ª TIMÓTEO. 1: 9.

Para estar convertido ao Senhor, você deve estar livre de todo o rudimento da lei mosaica, você deve estar isento de obras e sacrifícios. Faz-se então necessário ir adiante, deves abandonar a Jesus de Nazaré e casar-se com o ressuscitado.

Assim, meus irmãos, também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais “de outro”, daquele que ressuscitou dentre os mortos, a fim de que demos fruto para Deus. ROMANOS. 7: 4.

Essa conversão manifesta-se quando ouvimos a este evangelho, e nos submetemos as regras do novo pacto. Um convertido sabe que o diabo foi destruído, que o pecado não existe mais, que não necessita mais se batizar, não celebra mais santa ceia, não se submete a imposição de mãos, etc…. Somente com os olhos iluminados (sem a presença do véu), você pode dizer; Eu sou convertido ao Senhor!

Aquilo que o sistema religioso apresenta como conversão, não passa de uma experiência mística e emocional. Te arrepia, te comove, te convence, porém te deixa com um véu.

UMA CONVERSÃO GENUÍNA

Paulo apresentando o “Senhor” a igreja dos Hebreus é enfático; abandone imediatamente todas essas práticas judaicas, isso não representa uma conduta cristã. Enquanto estiverem unidos a Moisés, vocês não irão a perfeição.

Por isso, “deixando já” os rudimentos da doutrina de Cristo, prossigamos até à perfeição, “não lançando de novo” o fundamento do arrependimento de obras mortas e de fé em Deus, e da “doutrina dos batismos”, e da “imposição das mãos”, e da ressurreição dos mortos, e do juízo eterno. HEBREUS. 6: 1, 2.

A esta mesma igreja ele declara; Não tente “empurrar” Jesus de Nazaré a ninguém, pois todos desde o menor até o maior, conhecerão ao “Senhor”.

E não ensinará cada um a seu próximo, nem cada um ao seu irmão, dizendo: conhece o Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor deles até ao maior. HEBREUS. 8: 11.

O ritual de “aceitação” a Cristo estabelecido dentro das chamadas igrejas cristãs, é uma das coisas mais absurdas criada pelo homem. O próprio Deus nos dias de sua carne (Jesus de Nazaré), disse: Ninguém tem o poder de me escolher, sou eu que escolho a vós.

Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda. JOÃO. 15: 16.

ENTENDENDO OS DOIS PACTOS

Verifique os versos abaixo, e separe o velho pacto do novo, lei e graça jamais se misturam. Antes da cruz estávamos em sujeição, depois da cruz somos chamados a reinar em vida.

DOIS FUNDAMENTOS DIFERENTES

EVANGELHO DA CIRCUNCISÃO (Gálatas. 2:7) – EVANGELHO DA INCIRCUNCISÃO (Gálatas. 2:7).

ARREPENDIMENTO (Atos. 2:38) – RECONCILIAÇÃO (II Coríntios. 5:19).

PECADO PRESENTE (I João. 1:9) – CRISTO REMOVEU O PECADO NA CRUZ (Hebreus. 9:26).

JUSTIFICADO POR OBRAS (Tiago. 2:24) – JUSTIÇA SOMENTE PELA FÉ (Romanos. 3:28).

JUDAIZAR AOS GENTIOS (Gálatas. 2:14) – APOSTATAR DA LEI DE MOISÉS (Atos. 21:21).

SEGUIR AS PISADAS DO MESTRE (I Pedro. 2:21) – NÃO CONHECER A CRISTO SEGUNDO A CARNE (II Coríntios.5:16).

GUARDAR E CONTINUAR COM OS RUDIMENTOS (II João. 1:9) – DEIXAR OS RUDIMENTOS DA DOUTRINA DE CRISTO (Hebreus. 6:1).

BATISMO EM ÁGUA PARA PERDÃO DE PECADOS (Atos. 2:38) – FOMOS BATIZADOS NA MORTE DE CRISTO (Romanos.6:3).

O DIABO ANDA VIVO (I Pedro. 5:8) – CRISTO DESTRUIU AO DIABO (Hebreus. 2:14).

O CRENTE DEVE VENCER POR SEU ESFORÇO (Apocalipse. 3:5) – EM CRISTO SOMOS MAIS QUE VENCEDORES (Romanos. 8:37).

CHAMA AO CRENTE, MORNO, POBRE CEGO, MISERÁVEL (Apocalipse. 3:16,17) – APRESENTA A TODO CRENTE PERFEITO EM CRISTO (Colossenses. 1:28).

FALA DE JUÍZOS E DESTRUIÇÃO (II Pedro. 3:10) – OS JUÍZOS SÃO UM RUDIMENTO (Hebreus. 6:2).

CONCLUSÃO

Concluindo esse ensinamento aos Coríntios, o apostolo descreve; qual é a posição de um convertido ao “Senhor”. Após abandonar os rudimentos da lei, ao sermos despojados deste véu, podemos então ver a essência do próprio Deus em nós.

Mas, quando se converterem ao Senhor, então o véu se tirará. Ora, o Senhor é o Espírito; e onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade. Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.
2ª CORÍNTIOS. 3: 16 – 18.

Com o rosto descoberto ao mirar-te em um espelho, sempre te verás em vitória, sempre identificaras que tu és um salvo, de teus lábios nunca mais sairás; queixas, lamentos, gemidos, choro ou coisas semelhantes. Paulo o primeiro Cristão declarou a esta igreja; Sede meus imitadores, como também eu de Cristo. (1º CORÍNTIOS 11: 1) Atreve-te a seguir este conselho? Você é um abençoado!!!

Para solicitar estudos escreva-nos: estudosparepense@gmail.com

Curta nossas páginas no Facebook:

JH CALQUEOS https://www.facebook.com/JH-Calqueos-267765700080161/

LOUVORES EM GRAÇA – https://www.facebook.com/Louvores-EM-GRA%C3%87A-547150175483721/


Você é nosso visitante número: visitas